Guia prático sobre o Kotlin: a nova linguagem para Android

O Google anunciou, em maio de 2017, seu suporte de primeira classe para o Kotlin, o que significa que ele se tornou uma linguagem oficial para o desenvolvimento de aplicativos para Android.

Desde então, a JetBrains provou que a linguagem também pode ser usada com sucesso para escrever aplicativos para iOS, Android e a maioria dos navegadores através de seu aplicativo da web.

Com o suporte crescente para as duas principais plataformas móveis, Kotlin está fadado a ganhar popularidade, e seu futuro parece não se limitar apenas ao Android.

Você pode ter ouvido falar sobre Kotlin e ter se perguntado o que é e se vale a pena escolher essa tecnologia sobre o desenvolvimento de Java para Android. Este artigo foi escrito para fornecer respostas a essas perguntas – e mais.

O que é o Kotlin?

Kotlin é uma linguagem de programação moderna para Android, JVM, Browser e desenvolvimento nativo criado pela JetBrains.

A tecnologia tem o apoio oficial do Google, mas a comunidade Android vem usando a linguagem para o desenvolvimento de aplicativos há anos, mesmo antes do anúncio de suporte.

Recentemente, recebeu suporte aprimorado para iOS. O site oficial fornece vários exemplos de produtos conhecidos escritos na língua, como o Pinterest, o Evernote e o Trello.

Por que eu deveria me importar com Kotlin?

Kotlin é uma linguagem moderna e poderosa, com muitos recursos úteis. Além disso, é muito expressivo e muito mais conciso que o Java.

Enquanto o Java ganhou sua reputação como uma tecnologia robusta e confiável, ele carece de muitos recursos e está lentamente ficando obsoleto, tornando o Kotlin um grande candidato para substituí-lo.

A sua linguagem é muito semelhante ao Swift da Apple em termos de ideias e objetivos. Com essas semelhanças entre os dois idiomas, os desenvolvedores do Android e iOS conseguirão alternar facilmente entre o desenvolvimento de cada plataforma.

E as vantagens?

Quando se trata de vantagens , a nova linguagem oferece suporte de primeira classe para programação funcional. Embora seja orientada a objetos, consegue aproveitar ao máximo os dois paradigmas e abrir novas possibilidades.

Além disso, a JetBrains construiu proteções contra erros diretamente no sistema. Isto quer dizer que a linguagem é muito mais à prova de falhas e, portanto, mais fácil e barata de manter.

O criador de null disse que a referência nula deve ter gerado bilhões de dólares em perdas causadas por erros, vulnerabilidades e falhas no sistema. Agora, você pode parar de temer erros relacionados a nulls e economizar algum dinheiro também.

Além do Android (e recentemente também iOS), ele também é ótimo para desenvolvimento de JVM. Isso facilita a construção de aplicativos de servidor desktop, web e de backend usando estruturas Java estabelecidas como Spring, Vaadin, Spark, Hadoop etc.

Também é possível construir aplicativos de navegador front-end com tipagem estática com o compilador Kotlin para JavaScript. Como resultado, aprender Kotlin lhe dará uma ferramenta universal que você poderá usar para todos os tipos de desenvolvimento.

Eu já tenho um aplicativo para Android, isso muda alguma coisa?

Se você está atualmente usando Java para desenvolver seu aplicativo Android, não tenha medo, porque nada vai mudar.

O Google continuará fornecendo ótimas ferramentas e recursos para tornar o desenvolvimento de aplicativos Java mais fácil e rápido.

Você também pode adicionar o Kotlin ao seu aplicativo sem se preocupar com suporte futuro.

Devo converter meu aplicativo Java em Kotlin?

Kotlin é 100 por cento interoperável com o Java. Isto significa que você pode incorporá-lo perfeitamente ao seu aplicativo existente. Para fazer isto, você não precisará nem reescrever nenhum código Java – basta começar a codificar com ele imediatamente!

Ainda recomendamos a conversão do aplicativo para Kotlin por vários motivos. Sendo mais à prova de falhas, o aplicativo se tornará mais fácil e econômico de manter.

A linguagem também facilita o desenvolvimento mais rápido porque é muito mais conciso – estimativas aproximadas mostram que ele pode cortar até 40% de linhas de código em comparação com o Java. Menos linhas de código = menos tempo gasto em codificação = menos dinheiro gasto em desenvolvimento.

Existe um motivo sólido para escolher o Kotlin sobre Java?

Mais importante ainda, um aplicativo escrito em Kotlin será mais barato, mais fácil de desenvolver e manter. Isto é possível porque a linguagem tornará a base de código mais concisa e à prova de falhas.

Além disso, Kotlin também está se tornando cada vez mais universal. Logo, você poderá transferir seu aplicativo de uma plataforma para outra, se necessário.

Por fim, o framework é novo, eficiente e empolgante, o que atrairá bons desenvolvedores.

Você pode me dar um breve resumo dos prós e contras de Kotlin?

Prós

  • Essa é uma linguagem moderna e poderosa – um passo à frente do Java;
  • Como tecnologia de ponta, atrairá grandes engenheiros. Você vai recrutar melhores programadores para o Kotlin;
  • É 100% compatível com o Android graças ao suporte oficial do Google;
  • A grande comunidade de Kotlin desenvolve muitos projetos de código aberto;
  • Muitos aplicativos do Google/Android já usam a linguagem;
  • Você ainda pode ter partes do aplicativo escritas em Java graças à total interoperabilidade do Kotlin;
  • Você poderá reutilizar a mesma lógica para Android, iOS e Web.

Contras

  • A biblioteca padrão do Kotlin adiciona cerca de 7 mil métodos e 1 MB ao tamanho do seu APK Android. No entanto, ele poderia substituir algumas outras bibliotecas, como Guava e RxJava, que você pode estar usando agora para atingir os mesmos objetivos.

Como se posicionar

Na WebShare, nós buscamos oferecer as novidades mais importantes em primeira mão aos nossos clientes. Você quer saber mais sobre o tema ou aplicar os conceitos na sua página para conseguir resultados melhores? Entre em contato com a gente.

Comentários

comentários