fbpx
pesquisa-por-voz-no-google-websahre

Pesquisa por voz no Google: uma nova era para o marketing digital

Você já conversou com a Siri ou com a Alexa hoje? Convidou a Cortana e o Bixby para lhe ajudarem a encontrar a resposta para uma necessidade imediata? Falou sobre o tempo ou pediu para o Google Assistant e para o Google Home lhe contarem uma piada? Tem ideia de quem são eles? A sua marca está preocupada com as tendências sobre a pesquisa por voz no Google?

Caso você tenha respondido negativamente às perguntas acima, a vida online do seu negócio está correndo um risco gravíssimo. É hora de chamar a ambulância e colocá-la na UTI.

Para começar este artigo com a certeza de que sua leitura não será em vão, e só para ter uma ideia mais palpável sobre a realidade com a qual estamos lidando, atente-se ao seguinte dado levantado pela ComScore:

As estatísticas revelam que em 2020 – estamos a praticamente três meses de lá – 50% de todas as pesquisas online NO MUNDO irão utilizar a voz.

a pesquisa do Gartner Group vai um pouco além:

Até 2020, 30% das sessões de navegação acontecerão “screenless”, ou seja, sem a existência de uma tela.

E ainda diz:

Marcas que detém comércio digital devem aumentar suas receitas em 30%, ao redesenharem seus sites para suportar pesquisas visuais e por voz (até 2021).

Há duas grandes razões para esses dados serem tão expressivos:

  1. O mundo já está mobile first, e as molas propulsoras da Voice Search são, justamente, os smartphones. Sendo assim, está chegando a temporada do “voice first”;
  2. Frente ao imediatismo no qual estamos inseridos, pesquisar por voz é a forma mais rápida para o usuário obter um resultado que satisfaça seus desejos, dúvidas ou anseios.

Sumário:

  • Pesquisa por voz no Google: uma nova era para o marketing digital
  • Mudanças no algoritmo para as pesquisas por voz no Google
  • Como inserir o meu negócio na era da pesquisa por voz no Google?
  • Consumidores dos dispositivos de voz
  • Pesquisa por voz no Google: TEMPO E LUGAR
  • Pesquisa por voz no Google: o que é o Hummingbird?
  • Resumindo, o foco do seu negócio em SEO para a Voice Search deve ser em…
  • Quais são os benefícios para o meu negócio, ao traçar estratégias para as pesquisas por voz no Google?
  • Venha entrar na Era da Voice Search com verdadeiros especialistas em SEO

Mudanças no algoritmo para as pesquisas por voz no Google

Com essa percepção, o algoritmo do Google vem melhorando cada vez mais seu mindset. Os mecanismos já conseguem, por exemplo, interpretar uma pergunta por voz e entregar respostas como se estivessem, literalmente, conversando com o usuário.

Deu para perceber a necessidade de adaptação do seu business, não é!? Por isso, hoje vamos lhe falar, principalmente, sobre como tornar a sua estratégia de SEO eficiente nesta nova era do marketing digital.

Como inserir o meu negócio na era da pesquisa por voz no Google?

Se você estiver pensando que não precisa mudar nada, e que a pesquisa por voz no Google é igual àquela convencional, para a qual você já está acostumado a traçar táticas de otimização, tire isso de sua cabeça.

Ao tornar o seu negócio online, no fundo, o seu objetivo maior é só um: AUMENTAR SUA TAXA DE CONVERSÃO. 

Aí você esbarra em um inevitável obstáculo: a concorrência.

Bem, você já está presente no digital. Agora é hora de ensinar suas personas a lhe encontrarem, e atraí-las com sua autoridade e qualidade.

E para ganhar vantagem competitiva nesse ambiente, atingindo as primeiras posições orgânicas das páginas de resultados dos motores de busca, a fórmula é trabalhar seu SEO. E neste momento de fortes mudanças no comportamento dos usuários, ele precisa estar adaptado.

Vamos entender os 5 itens vitais para as estratégias de marketing digital e, consequentemente, para o SEO na era da Voice Search:

1# Responsividade

Você já sabe e o seu site já deve estar seguindo a premissa da adaptação às diversas telas. Tudo isso em prol de uma ótima experiência do usuário. Agora, a realidade é adequar as estratégias com foco nos assistentes virtuais.

2# Criatividade

Nem todas as respostas serão visuais. Para impactar os usuários nessas novas formas de busca, é preciso encontrar maneiras de destacar a marca. Veja bem, quanto mais simplicidade e agilidade seus leads desejam, mais difícil torna-se impressioná-los.

3# Localização

As pessoas desejam os serviços que estão próximos. Isso é o que o Google diz sobre o crescimento de pesquisas com a palavras-chave “perto de mim” e seus sinônimos.

No entanto, o usuário não quer apenas dar um comando de voz e que uma resposta salte à sua tela. Ele quer que o assistente virtual lhe entregue praticidade, fazendo a sua reserva em um restaurante ou marcando o seu dentista.

Para esses casos, por exemplo, os negócios teriam de adaptar seus chatbots ou mecanismos de reserva online para atender diretamente esses assistentes. Essa é só uma ideia, frente à milhares de possibilidades, para os mais diversos segmentos. Um trabalho que será árduo, sem dúvidas, mas que valerá à pena.

4# Conteúdo

Muito bem, temos alguns assuntos para conversar aqui. 

O primeiro deles é sobre como você estrutura os seus conteúdos. Já está comprovado que construir um conteúdo em forma de perguntas e respostas, torna mais fácil o caminho para o ranqueamento nas pesquisas por voz no Google. Afinal de contas, quando alguém busca alguma coisa, geralmente conversa com o assistente via questionamentos.

Para saber quais são as perguntas de seu público-alvo sobre seu nicho, rastreie aquilo que ele costuma procurar. Você também pode compilar todas as questões abordadas por seus clientes via telefone, redes sociais, e-mail, etc…

Utilize também o Google Search Console para descobrir as palavras-chave que geram tráfego para o seu negócio.

Além disso, você já ouviu falar na posição 0 do Google ou featured snippets?

Eles são muito clicados, pois dão ao usuário o que ele precisa saber, em poucas palavras. Está aí uma ótima estratégia para adotar para o seu SEO.

5# Volatilidade

Tudo muda, o tempo todo. A inovação é volátil, portanto, a sobrevivência das marcas nesse cenário requer resiliência. Enquanto aprende-se sobre uma nova tecnologia, outras dez surgem, o que exige preparação e alta capacidade de transformação.

Consumidores dos dispositivos de voz

alto-falante-inteligente-pesquisa-por-voz-google

Já imaginou ter uma conversa amigável com um alto-falante?

Estão à disposição no mercado o Amazon Echo e o Google Home. Ambos são assistentes virtuais e foram criados para interagir com os usuários através de comandos de voz. 

É possível pedir-lhes para buscar e tocar uma canção, converter uma medida, pesquisar o significado de uma palavra, perguntar sobre o tempo ou as condições do trânsito local e muito mais. 

As atualizações não param, e a Inteligência Artificial desses dispositivos está ficando cada vez mais funcional, abrangente e sofisticada. Isso quer dizer que os negócios que buscarem entender esses novos comportamentos de consumo, estarão lançando mão de uma ótima oportunidade de crescimento

Pesquisa por voz no Google: TEMPO E LUGAR

Reservamos uma seção do nosso artigo, especialmente, para tratar desse tema, que tem uma importância extraordinária para o SEO, especialmente em um período de crescimento da pesquisa por voz no Google. 

É crucial que o seu negócio identifique-se por sua localização. Desse modo, trate de prestar atenção nas táticas referentes ao SEO Local. 

Grande parte das pesquisas no Google são relativas ao consumo. Elas querem encontrar o comércio mais próximo, que possa sanar uma dor, vontade ou necessidade. Caso a sua concorrência esteja melhor avaliada e com informações mais completas – como endereço, dias e horários de atendimento e, até mesmo, avaliações e recomendações -, você perderá conversões. 

Apareça no Google Meu Negócio agora mesmo, e garanta que você está atendendo às expectativas de quem procura por seu nicho em sua região.

Pesquisa por voz no Google: o que é o Hummingbird?

A pesquisa por voz no Google não é coisa de agora. Em 2013, o buscador fez sua primeira atualização para modernizar o serviço de busca por voz e a chamou de Hummingbird.

Intenção, contexto e dúvida real. A partir desse momento o buscador conseguiu dar mais sentido às pesquisas por voz, tornando-as mais “humanizadas”. 

Surpreendentemente, os resultados começaram a mostrar mais relevância e demonstrar preocupação com eficácia e agilidade. Antes disso, a SERP de uma busca por voz apresentava dados referentes à interpretação a partir do significado inerente a uma determinada palavra-chave.

Resumindo, o foco do seu negócio em SEO para a Voice Search deve ser em…

  • Criar frases interrogativas...

… associadas às dúvidas mais frequentes de seu público-alvo.

  • Preparar-se com os Featured Snippets...

… resolvendo problemas dos usuários em textos curtos.

  • Estar presente no Google Meu Negócio...

… mantendo dados atualizados, além de promover um estímulo à interação com seus clientes por lá.

  • Ser Mobile Friendly e Mobile First....

… lembre-se que os smartphones são os dispositivos mais utilizados atualmente.

  • Utilizar palavras-chave de cauda longa...

… tendo em vista que os usuários – em uma linguagem falada coloquial – utilizam mais palavras em suas pesquisas e tendem a aprofundar-se.

  • Construir uma página de perguntas frequentes (FAQ)...

… sendo essa uma ótima maneira de garantir uma boa experiência do usuário, e otimizar o tempo do seu negócio.

Quais são os benefícios para o meu negócio, ao traçar estratégias para as pesquisas por voz no Google?

voice-search-pesquisa-por-voz-google

Os consumidores estão mudando a forma como pesquisam. Isso significa que a percepção do seu negócio muda, quando adaptado às novas tendências.

O comportamento está mobile, e deve continuar assim por muito e muito tempo. Dessa forma, um negócio alinhado com as pesquisas por voz será priorizado pelos motores de busca, já que as pessoas querem a conveniência de não precisar digitar (e nem entrar manualmente em qualquer aplicativo).

Pesquisa digitada é diferente de pesquisa por voz

Para a primeira, há forte predisposição à inserção de palavras-chave mais técnicas.

Já na segunda, a informalidade e simplicidade são predominantes, como uma conversa natural. Neste sentido, você precisa estar presente nos buscadores e querer ranquear de todas as formas.

Entregando o que os usuários querem, você cria awareness o que, certamente, fará seus clientes voltarem a fazer negócio. Você aumenta seu tráfego, atrai mais leads e fecha mais vendas.

Estima-se que os alto-falantes serão as próximas tevês

Todas as casas deverão ter um. Como falamos anteriormente, saber disso é uma ótima oportunidade para entrar na realidade Voice First.

Venha entrar na Era da Voice Search com verdadeiros especialistas em SEO

A WebShare está preparada para receber o seu negócio e inseri-lo no universo da pesquisa por voz no Google. 

Com a nossa ajuda para traçar as estratégias certas de SEO, você chegará ao topo mais rápido do que imagina. Entre em contato conosco, e pare de desperdiçar todo o potencial da sua marca.

Compartilhe

Comentários

CONTEÚDOS SEMANAIS DE QUALIDADE SOBRE PERFORMANCE PARA MELHORAR O SEU NEGÓCIO, CADASTRE-SE:

Mais acessadas

Desenvolvido por WebShare - Estratégia e Resultado   © Copyright – WebShare Estratégia e Resultado – Todos os direitos reservados

Comentários